16 de fevereiro de 2012

Lucille - Ludovic Debeurme


Livro: Lucille
Autor: Ludovic Debeurme
Editora: Leya
Ano: 2011

Sinopse:
Mais do que uma história sobre anorexia alcoolismo e adolescência, uma história de amor. Lucille é fascinada pela beleza de Linda, sua boneca magra e esbelta. Arthur deve seguir os passos do pai: seu nome, a pesca, o alcoolismo, o suicídio. Dois jovens com destinos certamente infelizes, que, após alguns acasos, decidem fugir juntos dessa má sorte. Em Lucille, Ludovic Debeurme nos desvela as fantasias e pesadelos dos jovens adolescentes.

Comentários:
Meios inocentes de contar uma história obscura.
Lucille foi uma leitura que me surpreendeu de várias maneiras, a primeira pelo tamanho do livro, são muitas páginas (muitas mesmo só não ponho o número porque não achei a informação sobre a paginação) o que torna o livro meio pesadinho porém, por ser uma graphic novel  a leitura flui tão rápido que em quase duas horas o livro já estava terminado.
O livro conta a história de dois adolescentes, Lucille uma garota com muitos problemas sendo o principal a anorexia e alguns traumas que a marcaram profundamente o outro adolescente é Arthur, um garoto com uma família problemática e que carrega fardos que não está preparado para aceitar. Os dois com todas as complicações se unem para tentar achar no outro o pedaço que falta em si mesmo.
Usei a primeira frase dessa resenha por demonstrar bem a perspectiva geral do livro, os desenhos não são muito elaborados, não possuem cores o que torna o traçado em certos aspectos inocente, porém a história em si possui uma profundidade em todos os dramas desses adolescentes que são agravados pela obscuridade de seus problemas, e aviso, o autor não tem medo de ser explicito em vários momentos, os pensamentos e atitudes dos personagens fluem livremente, sem aquela trava meio que “politicamente correta”, da vergonha da verdade ou do medo do pensamento dos outros. É basicamente um livro sobre adolescentes, mas para um público adulto, com questões tão complexas que vão além da “confusão hormonal” normal para esta idade.
 Mais uma vez a leitura do desafio literário foi uma boa surpresa, espero continuar assim nos outros meses.

3 comentários:

  1. "sem aquela trava meio que “politicamente correta”, da vergonha da verdade ou do medo do pensamento dos outros." só isso já foi o bastante pra me ganhar. quero ler! XD

    ResponderExcluir
  2. E agora como a gente faz para ter a continuação? Puta falta de sacanagem isso ai =(.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Que legal essa dica. Tá anotada!

    ResponderExcluir