29 de julho de 2015

[Filme] Homem-Formiga


Sinopse: 
Dr. Hank Pym (Michael Douglas), o inventor da fórmula/ traje que permite o encolhimento, anos depois da descoberta, precisa impedir que seu ex-pupilo Darren Cross (Corey Stoll), consiga replicar o feito e vender a tecnologia para uma organização do mal. Depois de sair da cadeia, o trambiqueiro Scott Lang (Paul Rudd) está disposto a reconquistar o respeito da ex-mulher, Maggie (Judy Greer) e, principalmente, da filha. Com dificuldades de arrumar um emprego honesto, ele aceita praticar um último golpe. O que ele não sabia era que tudo não passava de um plano do Dr. Pym que, depois de anos observando o hábil ladrão, o escolhe para vestir o traje do Homem-Formiga. (Fonte: AdoroCinema)

Comentários:
Apesar de o Homem-Formiga não ser um herói que está na minha lista de preferidos e eu não conhecer muito sobre a sua história (o pouco que conheço é sobre a participação dele quanto vingador), não poderia deixar de conferir mais um filme da Marvel, e fui agradavelmente surpreendida. 



Na total consciência sobre as características desse herói o estúdio não buscou grandiosidade, mas sim interação e ligação, e com um filme com diálogos engraçados, personagens conhecidos pelos amantes de quadrinhos e uma ligação com antigos e futuros filmes dessa geração da Marvel o Homem-Formiga se firmou nesse panteão. 

O filme começa com Hank Pym protegendo sua invenção e se recusando a compartilha-la, logo depois um salto no tempo e somos apresentados a Scott Lang, um ladrão que acabou de sair da prisão e está tentando mudar sua vida por causa de sua filha Cassie. O caminho dos dois irá se cruzar e na busca por impedir de antigo pupilo Pym tentará transformar Scott no novo Homem-Formiga (papel assumido pelo próprio Pym antigamente) e com isso eles se envolverão em reinos, planos, e uma lição de relacionamento com formigas. Além de conhecer um pouco sobre a complicada relação de Pym com sua filha Hope. 

A trama tem um forte escape no humor, e é isso que irá segurar as cenas em vários momentos, no comportamento despachado de Scott, a relação dele com Pym, em personagens secundários que são piadas prontas além de várias cenas do Homem-Formiga em tamanho reduzido, tendo a melhor maneira de encarar esse superpoder que pode não impressionar muito o humor foi a melhor escolha. 

Mas como um filme de herói não pode apenas ter isso vamos acompanhar toda a trajetória de Scott até ele se tornar o Homem-Formiga, a evolução do personagem é bem explorada em todo o filme. E posso dizer que ele e Pym são a grande chave do filme, o que ajudou na trama já que o vilão em sim me pareceu meio fraco. 


Uma última observação que foi a parte que mais gostei de todo o filme é a relação dele com o todo do universo Marvel, enquanto parecia que seria uma obra deslocada de toda a grandiosidade já produzida ele conseguiu se encaixar bem, cheio de referências e participações especiais, além de insinuações de futuro e um grande gancho para os próximos filmes. 

Adorei o longa, e recomendo para todos aqueles que já estão inseridos nesse universo, mas não vá ao cinema pensando em grandiosidade, mas sim em humor, história e Marvel como um todo. 


Ps: o filme tem duas cenas pós-crédito, e por favor fiquem até o final #conselhodequemsurtou 




Título original: Ant-Man
Duração: 117 min.
Direção: Peyton Reed
Elenco: Paul Rudd, Michael Douglas, Evangeline Lilly, Corey Stoll
Distribuidora: Walt Disney
Ano: 2015
Avaliação: 4,5/5









4 comentários:

  1. Oi Dani, não vi este ainda, mas os guris foram ver e gostaram, chegaram tagarelando sobre o filme.
    Fiquei curiosa com os créditos.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ro, ah quando tiver um tempinho veja o filme sim e aproveite para surtar também na cena pós-crédito rs. Bjsss

      Excluir
  2. Oi, Dani.
    Infelizmente tive que ver esse filme dublado e foi uma droga!!
    A história é bacana, o filme engraçado e curti essa maneira que eles encontraram de adaptar o Homem Formiga aos demais filmes da Marvel.
    Mas ver tudo isso dublado é de morrer!! Não vejo a hora do filme sair na TV a cabo para poder assistir com o áudio original!!! rs...
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Camis, que pena que teve que ver dublado, aí realmente perde na hora de assistir ao filme, mas quando puder assista legendado para poder aproveitar em sua totalidade. Bjsss

      Excluir