31 de janeiro de 2016

[Maratona Oscar 2016] Anomalisa


Sinopse: 
Michael Stone (voz de David Thewis) é um palestrante motivacional que acaba de chegar à cidade de Connecticut. Ele segue do aeroporto direto para o hotel, onde entra em contato com um antigo caso para que possam se reencontrar. A iniciativa não dá certo, mas Michael logo se insinua para duas jovens que foram ao local justamente para ver a palestra que ele dará no dia seguinte. É quando ele conhece Lisa (voz de Jennifer Jason Leigh), por quem se apaixona. (Fonte: AdoroCinema)

Comentários:
Sabe aquele filme que te surpreende em todos os aspectos, essa foi minha sensação assistindo Anomalisa, fui assistir com um conceito errado e a cada cena a animação me surpreendia. 

Primeiro, fui erroneamente acreditando ser um desenho infantil e não poderia estar mais enganada, Anomalisa é uma animação para adultos, com temas e cenas para adultos, cru e complexo. 

Na superfície a animação vai contar a história de Michael Stone, um palestrante motivacional que chega a uma cidade para dar uma palestra, porém conforme a história se desenvolve percebemos que há um vazio e uma confusão em sua vida que ele não consegue trabalhar até conhecer Lisa com quem irá se envolver. 


Disse na superfície pois a animação é cheia da camadas e detalhes que completam e dão mais profundidade ao drama, na verdade acho que foram tantas camadas que tenho a sensação de que preciso assistir ao filme mais uma vez para pegar tudo. 

Mas tratando de alguns aspectos que compõe a animação temos vários elementos que logo de início irão causar certo estranhamento, mas no contexto geral eles têm uma ligação com toda a narrativa, um deles é que tirando Michael e Lisa todos os outros personagens possuem a mesma voz, sejam eles homens ou mulheres eles possuem a mesma voz, e isso é passivo e várias interpretações sobre como o personagem interage com o mundo. 

Outro ponto é o traço da animação, ele vai ter uma ligação com o real, deixando de lado qualquer ligação com um traço mais infantil, mas por outro lado ele é suave e fluído e com ele temos vários aspectos interessantes como o desenho dos rostos dos personagens que parece ser “repartido”. 


Como eu disse anteriormente, Anomalisa possui várias camadas que vão compor a história, e não é uma animação fácil de se absorver, é preciso de um tempo para pensar em seu aspecto. Não posso dizer que gostei muito dessa animação, mas  fiquei surpresa com sua estrutura e o modo como tudo foi apresentado, a animação me fez parar para pensar e ligar os pontos no fim. 

Definitivamente não recomendo para todos, mas para aqueles que estão curiosos só posso dizer que é uma experiência diferente.


Título original: Anomalisa
Duração: 91 min.
Direção: Charlie Kaufman, Duke Johnson
Roteiro: Charlie Kaufman
Distribuidora: Paramount
Ano: 2015
Avaliação: 2,5/5

1 comentários:

  1. Caramba, Dani.
    Que interessante!! Essa animação deve ser realmente diferente de tudo o que já vi... Quem sabe chega na TV a cabo!! rs...
    beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir