8 de abril de 2016

[Por onde andei] Galeria do Rock Walking Tour – Roteiro Histórico


Após um roteiro cultural e outro por galerias, fechar a tríade de passeios com o roteiro histórico foi perfeito, pois após conseguir mudar o olhar para um ponto tão conhecido na cidade é preciso descobrir e pensar sua origem e trajetória para poder entender o que ele se tornou hoje. 

Depois de três passeios eu já estava acostumada ao deslumbramento de poder reparar em lugares e prédios que eu sempre passei em frente, porém não dei muita atenção, mas esse passeio foi diferente, poder imaginar como São Paulo começou, ver a placa dos fundadores de São Paulo no Pátio do Colégio, traz outra emoção.

O Roteiro se iniciou no Pátio do Colégio, onde foi explicada a história da fundação da cidade e mostrado prédios que ainda guardam suas arquiteturas históricas. Conhecemos a casa número 1,  visitamos o solar da Marquesa de Santos, andamos pelas ruas do centro, passamos na esquina do samba, conhecemos bancos de diversas nacionalidades a aprendemos a ver pela arquitetura suas fases durante os anos, passamos pelo viaduto do chá, shopping Light, o teatro Municipal e fechamos na Galeria do Rock. 

Esse foi um breve resumo do roteiro (na verdade há outros lugares com mais histórias, porém se eu for escrever tudo aqui acho que perde um pouco a emoção do passeio), mas quis deixar esses lugares destacados pois eles nos transportaram para nosso passado, para a São Paulo de sua formação, seu crescimento acelerado e a busca para resolver os problemas de uma população que a cada dia aumentava seu número (situação que ainda passamos hoje), conhecer toda a ascensão e a triste queda do centro, um lugar tão marcante e tantas vezes mal interpretado dessa cidade. 

Esse passeio foi um dos que mais me fez refletir, pois é inegável que muito do que somos hoje é resultado desses primeiros anos, fomos e ainda somos uma cidade de grande importância para a história do país, em nosso centro guardamos o grande peso de muitos marcos, a fundação, o encanamento de rios, o comércio do café, o samba, depois a decadência de seu espaço quando as pessoas começaram a migrar para a região da Avenida Paulista, e hoje sua grandeza e sua beleza dividem lugar com o descaso, mas ainda guarda em si tantas linhas do que somos. 


E com esses momentos de descoberta, história e reflexão fechei o trio de roteiros propostos inicialmente e posso dizer, com toda a certeza, que essa experiência me marcou muito, mudou meu olhar, me fez refletir e ficará guardada comigo, afinal amo São Paulo e poder parar a correria do cotidiano para admirá-la, entendê-la e desfrutá-la valeu cada minuto. Agora que descobri os prazeres de turistar na minha própria cidade vou me programar para outros passeios e poder “reconhecer” lugares que meu olhar ainda não vê realmente. 


O tour foi realizado por Galeria do Rock Walking Tour, uma parceria entre Instituto Cultural Galeria do Rock e I Love São Paulo para trazer uma experiência que irá explorar vários aspectos do centro. Mais informações acesse a página do projeto aqui

Para conhecer o I Love São Paulo acesse aqui.

Para conhecer o Instituto Cultural Galeria do Rock acesse aqui. 

Minhas fotos do tour estão na página do blog, para poder vê-las acesse aqui. 

5 comentários:

  1. Respostas
    1. <3 <3 <3 - Um para cada passeio / <3 - um para os futuros

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Mais uma vez os olhos encheram de lágrimas e me arrepiei com o seu relato tão lindo!!! Esse trabalho só faz sentido quando atingimos o objetivo de despertar algo nas pessoas, e o seu texto demonstra isso e alegra os corações daqueles que têm a esperança de uma cidade melhor e mais humana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado Lu, e esse trabalho deve continuar sim, poder mudar o olhar com que se vê a cidade em que vive é sempre de muita importância e eu agradeço por ter me ajudado a conseguir mudar o meu <3

      Excluir